Em entrevista coletiva, Carlos Eduardo lamenta “infâmias e calúnias”

Revista Deguste

Carlos Eduardo está dando entrevista coletiva neste momento. Diz que não vai assumir olhando pelo retrovisor. Mas, “o que tiver de errado, será mandado para os órgãos legais tomarem as providências”.

Mais palavras do prefeito eleito: Fomos muito atacados. Jogaram contra nós infâmias, calúnias, mas quem teve uma vitória tão expressiva, como nós acabamos de ter, não tem o direito de ter a alma pequena. Eu quero dizer que tudo isso ficou para trás. Porque a resposta da população para mim, lavou a alma. E agora, é solicitar a união por Natal. Quero dizer que agora todos nós, e eu faço essa convocação, precisamos nos unir para tirar Natal dessa situação de falência em que se encontra. Natal tem 4 anos de retrocesso e atraso. Natal não está acompanhando o progresso do Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *