FORMAM UM PAR. NÃO HÁ COMO SEPARÁ-LOS.

Revista Deguste
Não dá para separar. Os dois se elegeram juntos duas vezes. O que cabe a um, tem que caber ao outro.

Não dá para separar. Os dois se elegeram juntos duas vezes. O que cabe a um, tem que caber ao outro.

Dilma se elegeu presidente do Brasil duas vezes tendo Temer como vice-presidente.

Isso é fato. Não é ideologia de esquerda ou de direita. Os dois são um projeto político só. O objetivo de cada um é a permanência no Poder para benefício de seus grupos. E é aí onde está a diferença: nos grupos que usufruem dos benefícios.

Dilma é um grupo. Temer é outro grupo. Quando o Brasil teve dinheiro, se locupletaram juntos. Quando o país quebrou, ficaram brigando pelo que restou de nossa economia.

Agora querem escapar. Cada um com um pedaço. E a gente que se lasque.

Os dois grupos são nocivos ao Brasil. Enquanto um só pensa na extrema esquerda, o outro só beneficia a extrema direita.

Dilma e Temer formam um par. Não há como separá-los. Se tiramos uma, precisamos tirar também o outro.

O Brasil vai sobreviver. O país é maior do que Dilma e Temer.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *