Jornalista preso na ditadura homenageado pelo vereador Rafael Motta

Compartilhe Viagens
Jornalista Marcelo Melo (à esquerda) foi homenageado pelo vereador Rafael Motta

Jornalista Marcelo Melo (à esquerda) foi homenageado pelo vereador Rafael Motta

A Câmara Municipal de Natal homenageou o jornalista Marcelo Mário de Melo.  A sessão foi proposta pelo vereador Rafael Motta (PP). Na ocasião, foi realizada a entrega do diploma comemorativo em homenagem ao jornalista.

Rafael Motta falou sobre a importância da iniciativa. “Estou aqui para agradecer e aprender com o exemplo do jornalista Marcelo de Melo que lutou e arriscou sua vida pelas liberdades democráticas em nosso país”, afirmou o vereador, que ocupa a presidência da Comissão de Direitos Humanos, Trabalho e das Minorias.

“Sou um sobrevivente daquele período de lutas”, declarou Marcelo de Melo. “Fui preso em Natal, na Lagoa do Bonfim, e, por isso, essa homenagem tem um enorme valor simbólico para mim já que esta cidade faz parte da minha história”, explicou. “ Não posso deixar de fazer referência à memória dos companheiros mortos ou desaparecidos durante a ditadura militar”, recordou o homenageado.

Marcelo Mário de Melo nasceu em Caruaru em 1944. Autor de poemas, histórias infantis, minicontos, textos de humor e notas críticas. Aos 17 anos de idade, participou da fundação do Partido Comunista Brasileiro Revolucionário (PCBR) em 1967-68. Entrou na clandestinidade e foi preso político entre 1971 e 79, tendo participado de 5 greves de fome durante este período.

Crédito das fotos: Elpídio Júnior

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *