Polícia Civil mata suspeitos em açude de Caraúbas

Revista Deguste

(Com informações da Polícia Civil do Rio Grande do Norte)

Cassio Murilo Fernandes

Cassio Murilo Fernandes

Na manhã de hoje policiais da Divisão de Combate ao Crime Organizado em uma ação conjunta com policiais civis das cidades de Patu, Caraúbas, Umarizal  e Janduís  , localizaram  dois integrantes  de uma quadrilha de assaltantes que há muito agia na região Oeste, praticando roubos a casas, comércios, lotéricas e carros, além de estarem envolvidos com homicídios.

Cássio Murilo Fernandes e Antônio Wagner dos Santos estavam escondidos na Zona Rural da Cidade de Caraúbas, próximos a um açude, de um sítio na região.

Ao perceber a aproximação dos policiais, os suspeitos abriram fogo, recebendo imediata reação. Na troca de tiros, os assaltantes foram atingidos, sendo socorridos ao Hospital local, mas não resistiram.

Em poder dos mesmos foram apreendidas uma pistola .380, um rifle calibre .44, um capuz artesanal, uma motocicleta roubada, juntamente com seu documento, chaves de veículos, um canivete, a quantia de R$ 600,00, além de vários celulares e chips.

Cássio Murilo é acusado pela polícia local de envolvimento delitos na região, acusado de homicídios, sequestros e roubos. Ele foi preso pela PM após o sequestro do ex-prefeito de Antônio Martins. Entretanto, no último Dia dos Pais recebeu autorização para saída, e não mais compareceu a Justiça, passando à condição de foragido e, desde então, vinha aterrorizando as pessoas da região, principalmente nas cidades de Umarizal, Janduís e Caraúbas, atuando também nas cidades paraibanas de Catolé do Rocha e Belém do Brejo, juntamente com seus comparsas.

Antônio Wagner dos Santos, o “Nego Wagner”, como diz a Polícia, já havia cumprido 14 anos de prisão por assalto a mão armada, na cidade de Mossoró, tendo fugido da penitenciária Mário Negócio, em 01 de setembro.

Antônio Wagner dos Santos

Antônio Wagner dos Santos

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *