Viúva sequestrada em velório ainda não apareceu

O delegado-geral da Polícia Civil do RN, Correia Júnior, informou nesta sexta-feira (24), que a Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (Deicor) foi designada para investigar o sequestro de Gerina Ribeiro da Silva, cometido na última sexta-feira (21). “O Núcleo de Investigação da Polícia Civil já colheu várias informações e parentes da viúva já foram ouvidos pelos policiais. Além disto, estamos avaliando informações que estão vindo de outros estados, como o Acre”, afirmou o delegado-geral Correia Júnior.

Gerina Ribeiro foi sequestrada quando estava velando o corpo do companheiro, João Augusto Magalhães, em uma funerária de Natal. Ele, que é do Acre, foi morto na terça-feira (18), quando estava em uma granja na localidade de Arenã, em São José de Mipibu. Gerine estava no local do crime. O inquérito que investiga o homicídio de João Augusto está sendo produzido pela Delegacia Municipal de São José do Mipibu.

Assista vídeo entrevista com o delegado-geral Correia Júnior: https://goo.gl/t11Od2

Se você vir esses homens avise à polícia!

Compartilhe Viagens

Suspeitos mataram motorista de Uber

Suspeitos mataram motorista de Uber

A Polícia Civil do Rio Grande do Norte divulgou, nesta quinta-feira (20), os retratos falados de dois homens suspeito do latrocínio contra Raimundo Teixeira Martins, 45 anos, ocorrido no dia 02 de abril, no bairro Nazaré, Zona Oeste de Natal. No crime, a dupla rendeu a vítima, a qual era motorista de Uber, em uma tentativa de assalto, desferindo golpes com uma faca contra a mesma. As imagens divulgadas acerca dos suspeitos mostram dois homens magros, com idades de aproximadamente 25 anos, estando um deles com óculos de grau. A Polícia Civil solicita apoio da população para localizar os suspeitos. Maiores informações, ligar de forma anônima para o Disque-Denúncia, de número 181, ou para o telefone/whatsapp: 98169-7131.

Cascudo Bistrô funcionará normalmente no feriado de Tiradentes

Revista Deguste

Fachada_Cascudo

O Cascudo Bistrô, na Praça das Flores em Petrópolis, estará funcionando normalmente nesta sexta-feira (21), feriado de Tiradentes, abrindo para almoço e jantar. A casa que reúne o melhor da cozinha contemporânea, com pratos elaborados pelo chef Daniel Cavalcanti, conta ainda com uma excelente carta de vinhos com rótulos nacionais e importados.

Justiça do Trabalho do RN movimenta mais de R$ 316 milhões

Compartilhe Viagens

Audiência VaraA Justiça do Trabalho no Rio Grande do Norte movimentou, em 2016, R$ 316.611.827,25 entre repasses para trabalhadores e valores recolhidos aos cofres da Previdência Social, Imposto de Renda, custas e emolumentos.

Desse total, R$ 280,6 milhões foram transferidos para quem ajuizou ação trabalhista em busca de seus direitos, mais R$ 32,3 milhões de contribuições previdenciárias.

As Varas do Trabalho e o Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região (TRT-RN) também recolheram R$ 1,1 milhão para a Receita Federal e R$ 2,5 milhões para o Tesouro Nacional, em custas e emolumentos.

Execução – Os valores destinados aos trabalhadores aumentaram 82,4% nos últimos três anos, passando de R$ 153,8 milhões (2014) para R$ 196,9 milhões (2015) e chegando a R$ 280,6 milhões no ano passado.

Esse resultado é fruto do aumento das conciliações entre empregados e empresários e, também, do esforço da Justiça do Trabalho do RN na execução dos processos (cumprimento da sentença), que demanda, naturalmente, um tempo maior.

Mesmo assim, os números do TRT-RN são positivos. Em 2014, havia 60 mil processos pendentes de baixa na fase de execução, mas esse número caiu para menos de 45 mil no ano passado.

Também em 2016 foram baixados 17 mil processos, número bem maior do que 12 mil novos que chegaram no mesmo período. Em 2015, o saldo dessa comparação chegou a ser bem maior: 21 mil processos baixados contra 10 mil novas ações que chegaram.

Conhecimento – Na fase de conhecimento, que compreende desde a data da entrada do processo até seu julgamento, o empenho da Justiça do Trabalho potiguar conseguiu reduzir o tempo de solução.

Enquanto a média nacional da primeira instância (Varas do Trabalho) é de 223 dias, a média no Rio Grande do Norte é de 138 dias.

No ano passado, a Justiça do Trabalho do Rio Grande do Norte recebeu 34 mil novos processos, um montante 18,9% maior do que em 2015. Nos dois últimos anos, esse percentual de crescimento chegou a 28,3%.

Mesmo com esse aumento, os desembargadores e juízes do trabalho do Rio Grande do Norte conseguiram julgar, na primeira e na segunda instância, a quase totalidade dos processos recebidos.

Entre 2014 e 2016, entraram 89.683 processos nas Varas do Trabalho e foram julgados 90.943. Já na segunda instância, foram 27.790 novos e 25.463 solucionados.

Previdência – Quanto aos valores repassados à Previdência, como resultado das decisões judiciais, houve um aumento de 45,1% com relação a 2015. No ano passado, foram R$ 32,3 milhões contra R$ 32,3 milhões em 2015.

A arrecadação de imposto de renda para a Receita Federal, em 2016, foi de R$ 1,13 milhões. A Justiça do Trabalho repassou, ainda, R$ 2,5 milhões ao Governo Federal em custas e emolumentos no ano passado.

Com informações da Assessoria do TRT RN

Canindé Soares lança serviço de fotos aéreas

Revista Deguste

C9LDjgnXUAAxFuj

O fotógrafo Canindé Soares lançou um serviço de fotografias aéreas. Canindé tem mais de 20 anos de experiência em fotografias aéreas e alguns dos seus trabalhos formam o portfólio mais interessante da divulgação turística de Natal.

O telefone de Canindé é o mesmo há anos: (84) 99994-2841

Cervejas de chocolate em Natal

Compartilhe Viagens

CervejasChocolate1

No Paddy’s Emporium, pub especializado em cervejas nacionais e internacionais na Avenida Romualdo Galvão, quase esquina com Amintas Barros, há pelo menos seis opções de cervejas em que o chocolate figura como ingrediente de destaque. Esse tipo de cerveja combina com pratos salgados com tom agridoce e também é ideal para o final das refeições, como uma criativa substituição ao tradicional café ou licor, dizem os proprietários do pub.

“Na Boca Cultural” fez festa de aniversário na Ribeira

Revista Deguste

Movimento n'ABOCA CULTURAL edição de aniversário

O Movimento n’ABOCA CULTURAL edição de aniversário reuniu na noite deste sábado (8), na Ribeira, uma galera animada e pra lá de interessada em manter as portas do Espaço abertas, resistindo e produzindo.

A comemoração teve início com a fechação da “Formation” e seguiu com o pé de serra do Bando das Brenhas. Luisa e os Alquimistas, Skarimbó e DJ Karol Posadzki também chegaram junto e animaram a galera até o sol nascer.

A 12ª edição do Movimento também teve o intuito de divulgar e buscar mais apoios para a campanha de financiamento coletivo que ABOCA CULTURAL está encampando no Catarse, para manter o Espaço em pleno funcionamento pelos próximos dois anos.

O projeto segue recebendo contribuições até o dia 16 de abril, no sitecatarse.me/abocaaberta ou diretamente com os gestores do espaço, com financiamentos a partir de R$15 e várias recompensas.

Kelps consegue decisão que suspende saques no dinheiro dos aposentados da Prefeitura

Compartilhe Viagens

download

O conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE/RN), Tarcísio Costa, determinou nesta sexta-feira (07) que a Prefeitura Municipal de Natal e o Instituto de Previdência Social dos Servidores do Município do Natal (NATALPREV) se abstenham de utilizar os recursos do Fundo Capitalizado de Previdência (FUNCAPRE) para pagar aposentados e pensionistas vinculados ao Fundo Financeiro de Previdência (FUNFIPRE).

A decisão, tomada de forma monocrática, é cautelar e vale até o julgamento final da representação. O conselheiro também determinou que o Município de Natal seja informado, com urgência, através do prefeito, como também o Natalprev, através do seu presidente. Segundo os termos da decisão, a cautelar foi deferida pelo risco de ineficácia da decisão de mérito e de grave lesão ao erário.

De acordo com a representação, protocolada pelo deputado estadual Kelps Lima, o Projeto de Lei Complementar n° 01/2017 prevê a cobertura da insuficiência financeira do Fundo Financeiro com recursos do Fundo de Capitalização. O Funcapre está relacionado a servidores públicos municipais que ingressaram na administração pública após 31 de junho de 2002, enquanto que o Funfipre é relativo aos servidores que ingressaram em datas anteriores.

A utilização desses recursos, segundo a medida cautelar determinada pelo conselheiro, fere o princípio de equilíbrio econômico-financeiro e atuarial fixados no artigo 40 da Constituição Federal, além de configurar risco de lesão ao erário. “O fundo será descapitalizado de R$ 204 milhões de reais. E não obstante exista previsão da reposição desse valor, não há segurança peremptória de que o déficit advindo do saque não será repassado para as gerações futuras”, disse.

O conselheiro também concluiu que a Lei Complementar autoriza uma operação financeira análoga ao empréstimo, o que é proibido pela legislação federal. “Na hipótese presente, percebe-se que a utilização dos valores do FUNCAPRE tem natureza de empréstimo, na medida em que os recursos desse fundo têm destinação específica, e o executivo municipal almeja o saque desses valores para o pagamento de pessoas outras que não os seus beneficiários”, aponta.

*A partir de informações do Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Norte.

Jornalista Dionisio Outeda escapa por um “triz”

Revista Deguste
Assalto a mão armada na calçada do prédio do "Gringo"

Assalto a mão armada na calçada do prédio do “Gringo”

O jornalista Dionisio Outeda, conhecido como “O Gringo”, pela sua certidão de nascimento uruguaia, relata no twitter a sorte que teve na manhã desta sexta-feira na Natal insegura de cada dia.

Ladrões armados levaram o carro de um vizinho dele, na rua Souza Pinto, no Tirol, instantes após ele ter saído do local. O roubo foi filmado pelas câmeras de segurança.

Eu também fui vítima de meliantes nesta mesma rua. Um dos ladrões que me vitimou foi preso em flagrante, algemado na minha frente, colocando na mala de um camburão, levado até a delegacia de Candelária, fichado, massss, 48 horas após o roubo, o encontrei alegre e serelepe “pastorando” carros como flanelinha no cruzamento da Prudente com a Antônio Basílio. Hoje ele vive alegremente ali no cruzamento da Salgado Filho com a Amintas Barros.

Meu desejo, sincero, é que se ele tiver que roubar de novo, roube de quem assinou a ordem de soltura dele.

Temos um campeão no surfe!

Compartilhe Viagens

17264487_10208565034111007_4797418349081123292_n 17264479_10208565033790999_2838686788584230838_nPelo Facebook do fotógrafo especialista em fotos de surf, Rogério Vital, fico sabendo que o potiguar Fabrício Rocha foi campeão na categoria sub 14 no Circuito Rip Curl Grom Search 2017 em Maresias, neste fim de semana, Os melhores surfistas com até 16 anos do país surfaram muito nas ondas da Praia de Maresias.