Para o bem do Brasil, é melhor que nenhum deles vença. Precisamos de algo novo.

Revista Deguste
Foto da Folha

Foto da Folha

Para o bem do Brasil, é melhor que nem Alckmin nem Lula vençam a eleição.

Cada um deles em seu ambiente representa as práticas antigas da política que levou a gente ao precipício, tanto faz se foi dolo ou culpa. Os grupos que historicamente os seguem estão entrincheirados em rotinas nocivas ao equilíbrio institucional, político e econômico do País.

O PT e o PSDB precisam apresentar gente nova, com pensamento mais moderno.

O que a gente necessita agora é de uma geração mais arejada. Um candidato menos belicoso.

Para o futuro é melhor que Lula e Alckmin se afastem da caneta do poder para que um novo público recomece o Brasil. O afastamento deles do núcleo central do comando seria bom até para a oxigenação dos partidos. PSDB e PT são as agremiações programaticamente mais importantes. (O PMDB tem muitos votos, mas construiu uma imagem de fisiologismo que fica difícil colar alguma bandeira positiva nele.)

Os partidos são importantes. Representam o caminho por onde vão passar as novas lideranças. Não concordo com a extinção do PT nem do PSDB.

Mas a ascensão dos mesmos personagens “reempodera” (se é que isso existe) as práticas que não servem mais.

Lula é especialista em fazer o oposição, canalizou nossos sonhos no passado de que um trabalhador poderia chegar à Presidência. A gente precisa da energia dele na oposição. Na administração da economia não dá mais. Alckmin impregnou-se com um tipo de carimbo que enerva uma turma da esquerda que precisa ser pacificada.

Para o bem do Brasil, é melhor que nenhum deles vença. Precisamos de algo novo.

PMDB Nacional emite nota após Polícia Federal ter entrado em seu diretório no Ceará

Compartilhe Viagens

“O PMDB Nacional repudia a ação executada na manhã de hoje (29-05) pela Polícia Federal na sede do diretório estadual do partido no Ceará, em cumprimento a ordem do Tribunal Regional Eleitoral.

O episódio causa consternação: nem nos tempos da ditadura, partidos políticos tiveram suas sedes invadidas. Ainda mais quando não há nexo ou consistência nas motivações alegadas. Em plena democracia, uma sede de partido foi invadida para busca de apitos e outros materiais. Chega a ser chocante.

O que o partido tem feito no Ceará é ouvir a população em encontros regionais que promove regularmente, inclusive em anos não eleitorais. É contra a realização desses encontros que veio a ordem para a ação policial na sede do partido.

A Polícia nada encontrou de irregular na busca. Nem poderia. Afinal, o PMDB sequer detém controle sobre o uso da máquina pública do Ceará. Estranhamente, a ação ocorreu mesmo depois de duas decisões da Justiça Eleitoral considerarem totalmente legais os encontros promovidos pelo PMDB, rejeitando denúncias improcedentes. O PMDB não aceita qualquer tentativa de suprimir o livre exercício da democracia. Vai adotar as providências cabíveis contra essa ação agressiva à sua sede e continuará, dentro da Lei, com o eu propósito de ouvir o povo.

Depois de consultar o presidente licenciado do PMDB, Michel Temer, assino esta nota.

Senador Valdir Raupp

Presidente Nacional do PMDB

Hermano defende em Carnaúba dos Dantas que PMDB deve ter candidato próprio

Revista Deguste
PMDB de Carnaúba dos Dantas se reuniu no fim de semana

PMDB de Carnaúba dos Dantas se reuniu no fim de semana

PMDB de Canaúba dos Dantas realiza convenção municipal para escolha de novo diretório

(Com informações de Josimário Nunes)

 Aconteceu neste domingo (24) na Câmara Municipal de Vereadores de Carnaúba dos Dantas, a Convenção Municipal do PMDB com o objetivo de escolher a nova Diretória Executiva do município. A Comissão Provisória nomeada em novembro do ano passado tinha até o início de março de 2013 para realizar este congresso.

 Com o tema: PMDB, forte no Brasil, Forte em Carnaúba dos Dantas, o evento foi prestigiado pelo deputado estadual, Hermano Morais (PMDB), Prefeito de Jardim do Seridó, Padre Jocimar Dantas (PMDB), Prefeito de Cruzeta, Nena Dantas (PMDB), ex-prefeito Valdenor Euclides (DEM), vereadores, ceramistas, entre outras lideranças.

 Escolhido pelos convencionais como o novo presidente do PMDB de Carnaúba dos Dantas, Roberto Augusto Dantas destacou que fez parte da fundação do partido naquela cidade. “Ao lado de outros companheiros fundamos o MDB em 1972 e a partir de agora vamos trabalhar na renovação do partido para que em 2016 possamos ter um candidato próprio e ganhamos a eleição”, disse. O vice-presidente é o jovem e vereador, Gilson Augusto Dantas.

 Padre Jocimar falou que o PMDB carnaubense vai ressurgir das cinzas como uma fênix. “Sempre tive muita vontade de vim a Carnaúba dos Dantas, mas nunca me deram espaço. Agora é diferente, estou aqui e vamos trabalhar juntos para eleger de dentro dos quadros do PMDB, o próximo prefeito dessa cidade”. Já o prefeito de Cruzeta, Nena Dantas, filho natural daquela terra, disse que conhece de perto a história do partido. “O PMDB local já teve seus altos e baixos, porém vai voltar a ser forte e ganhar eleições”, enfatizou.

 O deputado estadual, Hermano Morais ressaltou a importância do PMDB ter candidato próprio nas próximas eleições para o Governo do Estado. “Temos ótimos nomes para disputar as eleições estaduais e não tenham dúvidas que se o PMDB voltar a governar o Estado, o próximo prefeito de Carnaúba dos Dantas será do PMDB”, observou.

Garibaldi diz que Governo perde se não segurar PMDB

Compartilhe Viagens

Na entrevista na Rádio 96 FM, o senador Garibaldi Filho analisou a situação do Governo Rosalba e o PMDB potiguar. Segundo ele, “será, em termos políticos, uma perda significativa para o Governo”, não ter mais o PMDB em suas fileiras.

Para o senador, o governo peca por ter sido um governo centralizador. “Não há da parte do governo um gesto de que seus aliados possam influir”.

Os candidatos a prefeito de Natal, capital do Rio Grande do Norte:

Revista Deguste
Carlos Eduardo já foi prefeito de Natal

Carlos Eduardo

 

Carlos Eduardo Nunes Alves, do PDT (Carlos Eduardo) – já foi deputado estadual, prefeito e vice-prefeito de Natal. Tem como vice a ex-governadora, ex-prefeita e ex-deputada federal constituinte, Wilma de Faria.

 

 

 

Fernando Mineiro é do PT

Fernando Mineiro é do PT

 

Fernando Wanderley Vargas da Silva, do PT (Fernando Mineiro) – deputado estadual pelo PT, já foi candidato a governador do Rio Grande do Norte.

 

 

 

 

Hermano Moraes

Hermano Moraes

 

Hermano da Costa Moraes, do PMDB (Hermano Moraes) – Ex-vereador de Natal e exercendo mandato de deputado estadual.

 

 

 

 

Roberto Lopes

Roberto Lopes

 

Roberto José Lopes da Silva, do PCB (Roberto Lopes) – Professor, é candidato a prefeito pela primeira vez.

 

 

 

 

Robério Paulino

Robério Paulino

 

Robério Paulino Rodrigues, do PSOL (Professor Robério) – Professor da UFRN é candidato pela primeira vez a prefeito de Natal.

 

 

 

 

Rogério Marinho

Rogério Marinho

 

Rogério Simonetti Marinho, do PSDB (Rogério Marinho) – Ex-presidente da Câmara de Vereadores de Natal, atualmente exercendo cargo de deputado federal.