EM NEÓPOLIS: queriam comprar carro com identidade falsa, diz polícia

Revista Deguste

10.11 Adilson Aparecido 10.11 Jaqueline Conceiçaõ

Policiais Civis da Delegacia Especializada em Falsificações e Defraudações (DEFD) prenderam em flagrante, nesta sexta-feira (10), Jaqueline da Conceição, 51 anos, e Adilson Aparecido Nogueira de Souza, 41 anos, quando o casal tentava comprar um carro utilizando uma identidade falsa, em uma revendedora de automóveis, localizada no bairro de Neópolis, Zona Sul de Natal.

Na ação criminosa, Jaqueline utilizava uma identidade falsa em nome de Laura Pereira dos Santos Silva, para realizar a compra do carro Peugeot 207. Os policiais apreenderam com o casal, uma quantia em dinheiro que seria dada de entrada no veículo, além de cartão de crédito e celular. A dupla foi autuada por estelionato consumado, sendo encaminhados ao sistema Sistema Prisional onde ficarão à disposição da Justiça.

Tiroteio em lanchonete

Compartilhe Viagens

10.11 Jeanfferson Jackson de Oliveira

Policiais civis da 5ª Delegacia de Polícia prenderam, nesta sexta-feira (10), Jeanfferson Jackson de Oliveira, 19 anos, por um roubo cometido em uma lanchonete, localizada no bairro de Lagoa Nova, Zona Sul de Natal. No crime, ele teria realizado o roubo juntamente a mais dois comparsas, os quais utilizaram uma motocicleta, tendo disparado contra as vítimas. Jeanfferson Jackson foi preso em mandado de prisão preventiva, sendo encaminhado ao sistema prisional, onde ficará à disposição da Justiça.

Fugiu de Alcaçuz para atacar mulheres em Santa Cruz, diz Polícia

Revista Deguste
A Polícia Civil diz que Quinho é foragido do terrível presídio de Alcaçuz

A Polícia Civil diz que Quinho é foragido do terrível presídio de Alcaçuz


Uma equipe de policiais civis da 6ª Delegacia Regional de Polícia Civil prenderam, no domingo (22), Severino Valdevino da Silva, vulgo “Quinho”, foragido da penitenciária de Alcaçuz. A prisão ocorreu em Santa Cruz e foi em decorrência do cumprimento de um mandado de prisão expedido pela 12ª Vara Criminal da Comarca de Natal. “Quinho” responde pelo crime de estupro e após sua fuga estava realizando tentativas de invasão de residência, na zona rural de Santa Cruz, com o intuito de violentar mulheres. Ele foi encontrado e preso sendo encaminhado ao Sistema Prisional.

Delegado Maurílio Pinto fez aniversário esta semana em Natal.

Compartilhe Viagens
O delegado Maurílio Pinto de Medeiros foi diretor de polícia e subsecretário de Segurança do RN. Hoje está aposentado.

O delegado Maurílio Pinto de Medeiros foi diretor de polícia e subsecretário de Segurança do RN. Hoje está aposentado.

O delegado Maurílio Pinto de Medeiros completou nesta quinta-feira, dia 24 de agosto, 76 anos de idade. Depois de praticamente 50 anos de serviços prestados a Polícia Civil do Rio Grande do Norte. Ele agora se dedica ao merecido descanso.

Convivi diariamente com ele por uns 15 anos, enquanto fui repórter policial na Tribuna do Norte e no Diário de Natal.

Enquanto atuou, Dr. Maurílio Pinto foi ininterruptamente um combatente voraz contra os criminosos. Nunca foi 8. Sempre foi 80. A dedicação que o delegado tinha à polícia era espantosa. Trabalhava sábado, domingo, feriado e – sua maior característica – atendida a todos que o procuravam em seu gabinete.

Maurílio ouvia com atenção, anotava tudo num papel e resolvia os casos. Alguns crimes precisavam ser investigados a fundo, levavam dias para serem solucionados. Outros eram resolvidos mais rapidamente.

Uma das estratégias mais interessantes no trabalho diário do Dr. Maurílio era a operação “Levanta da Cama”. Infalível. Pegava os bandidos no comecinho da manhã. Dia raiando. Frio da madrugada. Corpo ainda dormente do sono. Não dava tempo nem de reagir.

De manhã cedo, quando a imprensa chegava ao gabinete para saber as novidades do dia, o “xerife” já estava lá, com o suspeito encostado num canto da parede, cabisbaixo, réu confesso, e “o produto do roubo” exposto na mesa, para a apresentação oficial.

Alguns demoravam a contar a história toda. Mas a polícia, pelo menos a polícia de Dr. Maurílio Pinto, era temida naquele tempo e sabia ouvir e aplicar suas modernas técnicas de investigação.

Polícia Civil prende homem suspeito de tráfico de drogas em Timbaúba dos Batistas

Revista Deguste
Sérgio Lucas foi capturado em Timbaúba dos Batistas

Sérgio Lucas foi capturado em Timbaúba dos Batistas

Uma equipe de Policiais civis da Delegacia Regional de Caicó, com apoio da Delegacia de Jardim de Piranhas e  da Polícia Militar, prendeu em flagrante Sérgio Lucas Alves de Medeiros, 18 anos, suspeito pelo crime de tráfico de drogas na cidade de Timbaúba dos Batistas (RN), na terça-feira (25). 

Sérgio Lucas foi preso quando os policiais cumpriram o mandado de busca e apreensão, com ele a polícia encontrou vários celulares, porções de drogas embaladas e uma faca. Ele está custodiado na Delegacia Regional de Caicó, onde aguarda a decisão da justiça.

Material apreendido durante a operação.

Material apreendido durante a operação.

(Com informações da Polícia Civil do Rio Grande do Norte)

Se você vir esses homens avise à polícia!

Compartilhe Viagens

Suspeitos mataram motorista de Uber

Suspeitos mataram motorista de Uber

A Polícia Civil do Rio Grande do Norte divulgou, nesta quinta-feira (20), os retratos falados de dois homens suspeito do latrocínio contra Raimundo Teixeira Martins, 45 anos, ocorrido no dia 02 de abril, no bairro Nazaré, Zona Oeste de Natal. No crime, a dupla rendeu a vítima, a qual era motorista de Uber, em uma tentativa de assalto, desferindo golpes com uma faca contra a mesma. As imagens divulgadas acerca dos suspeitos mostram dois homens magros, com idades de aproximadamente 25 anos, estando um deles com óculos de grau. A Polícia Civil solicita apoio da população para localizar os suspeitos. Maiores informações, ligar de forma anônima para o Disque-Denúncia, de número 181, ou para o telefone/whatsapp: 98169-7131.

Agentes penitenciários decidem adotar procedimentos padrões em unidades prisionais

Revista Deguste
2017-04-06-PHOTO-00000008
Os agentes penitenciários do Rio Grande do Norte realizaram um ato público e uma assembleia, na manhã desta quinta-feira (6), em frente à Governadoria. A categoria decidiu adotar procedimentos padrões nas unidades prisionais, atuando de acordo com a Lei de Execuções Penais e exercendo atividades somente se as condições para isso forem oferecidas pelo estado.
A categoria, inclusive, elaborou uma cartilha que deverá ser usada como parâmetro em todas as unidades prisionais. Nela, constam orientações como: utilizar viaturas que estejam com pneus em estado adequado para o uso; transporte de presos deve ser realizado apenas em viaturas que atendam aos padrões de segurança para a escolta; viaturas com funcionamento dos intermitentes sonoros e sinais luminosos; viaturas com a devida documentação em dia.
Nos dias de visita íntima e social, por exemplo, será permitida tão somente a entrada de alimento do visitante que esteja acomodado uma vasilha plástica transparente com capacidade máxima de um litro, ao passo que a complementação da alimentação dos apenados deverá ser fornecida exclusivamente pelo Estado, conforme estabelece a Lei de Execuções Penais.
Além disso, durante a execução do serviço, será obrigatório o uso de Equipamento de Proteção Individual (EPI), dentre os quais destacam-se o colete balístico, armamento letal e não letal, munições letais e não letais, estando todas em perfeito estado de uso de acordo com as especificações do fabricante, especialmente no tocante às suas validades.
Outro ponto da cartilha informa que toda e qualquer atividades administrativas/burocráticas da Unidade Prisional deverão ser executadas com materiais fornecidos exclusivamente pelo Estado como, por exemplo, computador, internet, impressora, cartuchos, papel, caneta, papel, envelopes e telefone
Os agentes adotam ainda na cartilha que: considerando o baixo efetivo de pessoal das unidades prisionais, ficam suspensos os procedimentos de escolta de apenados para estabelecimentos bancários, cartórios e velórios, por exemplo.
Esses e outros procedimentos serão adotados a partir da próxima segunda-feira (10). “Esse manual criado pela categoria segue exatamente o que determina a Lei de Execuções Penais. Os agentes penitenciários estão abandonados pelo Estado e não podem continuar arriscando suas vidas, sem serem valorizados por isso, nem muito menos bancar do próprio bolso o funcionamento de muitos serviços das unidades e ainda a compra de equipamentos de segurança”, afirma Vilma Batista, presidente do Sindasp-RN.
De acordo com ela, o ato realizado nesta quinta-feira em frente à Governadoria teve como objetivo também cobrar do Governo o cumprimento da pauta de reivindicações da categoria, a implantação dos níveis e ainda demonstrar o posicionamento contrário dos agentes ao projeto de reforma da previdência proposta pelo Governo do Estado e contra exclusão na lei 406 das diárias operacionais.

Policiais civis do RN se reúnem em frente à Governadoria e podem deflagrar greve

Compartilhe Viagens
DSC_1184
Os policiais civis do Rio Grande do Norte vão se reunir em frente à Governadoria, nesta quarta-feira (5), a partir das 14h, para aguardar o resultado de uma reunião agendada entre o SINPOL-RN e o governador Robinson Faria. A categoria espera respostas para a pauta de reivindicações que foi apresentada e detalhada ao próprio governador.
Ao final da reunião com o Governo, os policiais civis terão uma assembleia e poderão deflagrar greve, caso a pauta não seja atendida. “A reunião que está agendada para hoje deveria ter acontecido semana passada, mas foi remarcada. Então, a categoria espera finalmente ter essas respostas, até porque essa pauta foi apresentada ainda em 2015”, explica Paulo César de Macedo, presidente do Sindicato.
A última reunião entre o Governo e o SINPOL-RN aconteceu no dia 17 de março, com presença do próprio governador. Na ocasião, a diretoria do Sindicato detalhou ponto a ponto da pauta de reivindicações. “Pela primeira vez, depois de dois anos que apresentamos a pauta, sentamos para finalmente discutirmos os itens que constam nela”.
De acordo com Paulo César de Macedo, a pauta tem questões como reformas e reestruturação das delegacias, aquisição de materiais de segurança e ferramentas de trabalho para os policiais, implantação dos níveis que estão pendentes desde 2015, cumprimento de um acordo referente a uma greve realizada em 2013 e ainda valorização profissional, com equiparação salarial entre Agentes, Escrivães e Delegados em início de carreira.
Com informações do Sindicato da Polícia Civil.

14 adolescentes são apreendidos de uma vez só

Revista Deguste

Uma equipe de policiais civis de Pedro Velho, em conjunto com policiais militares da cidade de Montanhas, deflagram a operação COVIL, na madrugada deste sábado (01). A operação teve como objetivo coibir a venda e o consumo de bebidas alcoólicas para menores de idade, assim como o consumo de entorpecentes no clube Flash em Montanhas e a perturbação da paz na localidade. Na operação Flávio Bernardino Bento, 32 anos, foi preso e catorze adolescentes foram apreendidos.

A polícia recebeu várias denúncias informando que dentro do clube adolescentes ingeriam bebidas alcoólicas e consumiam drogas. Em investigações, foi constatada a veracidade das informações e a operação foi deflagrada. Foram conduzidos para a delegacia de Pedro Velho, durante a ação policial no clube, catorze adolescentes que ingeriram álcool no local, assim como o proprietário do estabelecimento Flávio Bernardino que foi preso em flagrante pelos crimes de poluição sonora, apurado por decibelímetro e pela venda de bebida alcoólica para menores de idade. Foram apreendidas sete motos sem a devida documentação e dois paredões de som que estavam sendo utilizados no clube.

A operação contou com policiais militares do Grupo Tático Operacional (GTO) da cidade de Canguaretama, policiais do pelotão de Pedro Velho do destacamento de Georgino Avelino, a Polícia Civil de Arez, duas equipes da Companhia Independente de Proteção Ambiental (CIPAM) e uma equipe do conselho tutelar de Montanhas.                        

Polícia neutralizou mais um, desta vez em Touros

Compartilhe Viagens

Uma investigação conduzida pela Delegacia de Polícia Civil de Touros conseguiu localizar o paradeiro do foragido da Justiça Geraldo Feitosa Júnior, nesta quinta-feira (30). Contra ele, existiam três mandados de prisão, dois deles pela prática de homicídios. A localização de Geraldo Feitosa contou com apoio da Diretoria de Polícia do Interior e da 10ª Delegacia Regional de Polícia.

No momento da prisão, José Geraldo estava com um revólver calibre 38, municiado, droga e dinheiro fracionado. O criminoso entrou em confronto com policiais militares e foi alvejado. Ele chegou a ser socorrido, mas veio a óbito.

Com informações da Polícia Civil do RN