Dono do Paçoca de Pilão é vereador de Parnamirim

Compartilhe Viagens

O próximo mês de fevereiro é de aniversário para o restaurante Paçoca de Pilão, em Pirangi.

Participei da festa do ano passado, muito boa.

Este ano a celebração tem um sabor especial. Um dos donos, Giovanni Rodrigues, filho de Dona Adalva Rodrigues, elegeu-se vereador na última eleição em Parnamirim e ainda por cima ganhou a vaga de primeiro secretário na mesa diretora da Câmara.

Ai na foto, Giovani aparece ao lado dos outros componentes que comandam atualmente o Poder Legislativo em Parnamirim.

Mesa Diretora 2013 da Câmara de Vereadores de Parnamirim

Da esquerda para a direita: Giovanni do Paçoca de Pilão 1o secretário; Elienai, vice; Taveira, presidente; Gustavo 2o secretário
(Foto feita por Erivan Fernandes/Divulgação

Irmão do vereador que quer matar Nélter Queiroz é condenado

Revista Deguste

A Justiça do município de Campo Grande, na região Oeste do Rio Grande do Norte (antiga cidade de Augusto Severo), condenou Aureliano Rodrigues a 18 anos de prisão por duplo homicídio praticado na vizinha cidade de Paraú, também região Oeste Potiguar.

Aureliano é irmão do vereador Odelmo de Moura Rodrigues, que está preso em Açu e é acusado de querer matar o deputado estadual Nélter Queiroz, afastado da Assembléia Legislativa, por causa das ameaças.

Aureliano passou 15 anos foragido do Rio Grande do Norte, sendo capturado recentemente, no Rio de Janeiro, dentro de investigações feitas pelo Ministério Público Potiguar em uma operação chamada de “Mal Assombro”.

A operação “Mal Assombro” é uma série de diligências que o Ministério Público vem realizando para desvendar acusações que apontam o vereador Odelmo (irmão de Aureliano) como contratante de muitos assassinatos no Rio Grande do Norte. Antes de ser preso, Odelmo era presidente da Câmara de Vereadores de Assu.

Gravações em poder da polícia dão conta de que Odelmo teria encomendado a morte de Nélter Queiroz por R$ 50 mil.