Solidariedade defende pré-candidatura de Diego Vale a prefeito de Caicó

Revista Deguste
Evento do Solidariedade foi na Câmara de Vereadores de Caicó

Evento do Solidariedade foi na Câmara de Vereadores de Caicó

Na manhã deste sábado (14), Caicó sediou mais um módulo da Escola de Jovens Líderes do Seridó.

No mesmo evento foram realizadas filiações de nomes que disputarão a Câmara Municipal de Caicó e confirmação da pré-candidatura de Diego Vale ao executivo caicoense.

“Estamos construindo um grupo forte, propositivo e de confiança. Teremos chapa própria para a disputa do Legislativo. E o Solidariedade quer discutir eficiência e transparência na gestão pública, educação, empreendedorismo e justiça social”, destacou o pré-candidato a prefeito, Diego Vale.

O evento contou com a presença da deputada estadual Cristiane Dantas, que reforçou o convite para as mulheres ingressarem no Solidariedade. “A mulher na política representa mais qualidade e credibilidade na execução de políticas públicas. Queremos eleger mulheres para o legislativo caicoense e apoiar Diego na pré-candidatura a prefeito”, enfatizou a deputada do Solidariedade.

Parte dos pré-candidatos a vereadores do Solidariedade foi apresentada. Também participaram do encontro o ex-vice governador Fábio Dantas, os suplentes de deputado, Subtenente Eliabe e Fernando Bezerra, os ex-candidatos ao Governo e ao Senado, Brenno Queiroga e Magnolia Figueiredo, o presidente da FAERN, José Vieira, o prefeito de São Fernando, Polion Maia, e pré-candidatos do Solidariedade de todo Seridó.

Kelps convida Bruno Giovanni para o Partido Solidariedade

Compartilhe Viagens
Kelps e Bruno

Kelps e Bruno

Em reunião no noite desta quarta-feira, 4, em Natal, o deputado estadual Kelps Lima oficializou o convite ao comunicador Bruno Giovanni, mais conhecido como BG, para se filiar ao Partido Solidariedade em Natal, somando ao projeto alternativo que o Solidariedade e o PSL estão construindo para a cidade.

Segundo Kelps “existe uma geração nova de pessoas que pode liderar um projeto novo para Natal e BG é um dos grandes nomes que representam esse novo movimento”.

Kelps acrescentou que “a conversa com BG foi franca. “Apresentamos nossos projetos, inserimos o partido e acreditamos que BG pode somar muito conosco em qualquer posição, nesse pleito de 2020 e para o futuro”, concluiu o deputado Kelps.

Presidente nacional do PRTB, Levy Fidelix, dá aval para parceria em torno da pré-candidatura de Kelps do Solidariedade a prefeito de Natal

Revista Deguste
Heró, Levy, Daniel e Kelps

Heró, Levy, Daniel e Kelps

O presidente nacional do Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB), Levy Fidelix, deu aval para o apoio do PRTB/RN à pré-candidatura de Kelps a prefeito de Natal, através de parceria firmada com o presidente estadual do partido, Bispo Heró.

A reunião que confirmou a parceria aconteceu nesta segunda-feira, em São Paulo, com presença do presidente estadual do PSL/RN, médico Daniel Sampaio.

PRTB, do vice-presidente Mourão, se une ao PSL e Solidariedade no Rio Grande do Norte

Compartilhe Viagens
Daniel do PSL, Heró do PRTB e Kelps do Solidariedade: parceria contra as oligarquias e o PT

Daniel do PSL, Heró do PRTB e Kelps do Solidariedade: parceria contra as oligarquias e o PT

O Partido Renovador Trabalhista Brasileiro no Rio Grande do Norte (PRTB) decidiu nesta segunda-feira, 17 de fevereiro, se unir ao PSL e Solidariedade na formação de um novo eixo político no Estado. A primeira consequência da parceria é o apoio à candidatura de Kelps a prefeito de Natal.

A confirmação da parceria do PRTB e Solidariedade foi feita pelo Bispo Heró, candidato a governador do RN em 2018, e o pré-candidato Kelps, em reunião ocorrida em São Paulo. O presidente do PSL no RN, Daniel Sampaio, também participou do encontro em SP.

Em 2018, o PRTB elegeu o general Mourão como vice-presidente do Brasil.

A expectativa é que outras legendas se unam no projeto.

A base da parceria do PRTB, Solidariedade e PSL é ser oposição às pré-candidaturas dos grupos tradicionais que estão no poder em no RN: as oligarquias dominadas por um pequeno grupo de famílias que mandaram na política do Estado a vida toda e o PT da governadora Fátima Bezerra.

Solidariedade e PSL repetem em 2020 união que elegeu 01 deputado federal e 4 estaduais em 2018

Revista Deguste
Daniel Sampaio é presidente do PSL no RN e Kelps é fundador do Solidariedade

Daniel Sampaio é presidente do PSL no RN e Kelps é fundador do Solidariedade

A união dos partidos Solidariedade e PSL em Natal e em várias cidades no interior repete a estratégia usada pelos dois partidos nas eleições de 2018.

Na eleição que teve Brenno Queiroga como candidato ao Governo, saíram eleitos o General Girão para Federal e Kelps Lima, Alysson Bezerra, Cristiane Dantas e Coronel Azevedo para deputado Estadual.

Questionado pelas críticas de parte dos adversários sobre a união dos partidos, o deputado Kelps afirmou: “não lembro destas pessoas criticando nossa coligação em 2018. Agora que já sabem do nosso potencial é que resolveram aparecer. Nós do Solidariedade e do PSL temos o mesmo objetivo de 2018, derrotar o PT e as Oligarquias.

O Presidente do PSL/RN, Daniel Sampaio, afirmou: “não mudei de partido, não mudei de postura nem de opinião. Estamos fazendo uma parceria para mudar o Estado”.

Solidariedade é fundado em São João do Sabugi e apresentará chapa para 2020

Compartilhe Viagens
São João do Sabugi agora tem Solidariedade

São João do Sabugi agora tem Solidariedade

São João do Sabugi sediou nesse domingo (15) o segundo módulo da Escola de Jovens Líderes do Seridó, movimento de formação política que reúne 50 alunos de diversos municípios.

A iniciativa é do Solidariedade com apoio da Fundação 1º de Maio. Os palestrantes dessa edição foram o jornalista Washington Rodrigues e o deputado Kelps Lima, com avaliações sobre o novo cenário político impactado pelas tecnologias e as possibilidades dos jovens estruturarem campanhas sustentáveis.

Ao final do evento, os jovens líderes de São João do Sabugi oficializaram a criação do Solidariedade na cidade, confirmando o interesse de montar chapa de candidatos a vereador e também participar do debate na majoritária. O novo presidente do partido será o jovem estudante de administração, Thiago Cavalcanti.

A ex-candidata ao Senado, Magnólia Figueiredo também participou do evento, destacando a importância da participação das mulheres na construção partidária em São João do Sabugi. O evento também contou com mensagens da deputada estadual Cristiane Dantas, do suplente Fernando Bezerra e do novo presidente estadual do Solidariedade, Lawrence Amorim.

Solidariedade começa a treinar mulheres para disputar eleições em 2020

Revista Deguste
Aline, Leilane, Adriana, Ana Paula, Luciana e Débora: no Lidera+, em São Paulo

Aline, Leilane, Adriana, Ana Paula, Luciana e Débora: no Lidera+, em São Paulo

Em Iniciativa inédita no Brasil, o Partido Solidariedade começa, neste fim de semana, um projeto nacional de treinamento para habilitar mulheres a participar de eleições de forma saudável, o mais longe possível da política antiga, e com técnicas que barateiam ao máximo as campanhas eleitorais.

O projeto LIDERA + selecionou 100 mulheres de vários lugares do Brasil para começar o treinamento em São Paulo. Nesta sexta-feira, 02 de agosto, ocorreu o lançamento formal do projeto. Neste sábado, 03 de agosto, começaram as palestras e atividades interativas.

O Rio Grande do Norte tem papel importante no projeto. Três palestrantes do Estado estão na equipe encarregada de colaborar na formação das futuras candidatas (Kelps Lima, Luciana Bezerra e Washington Rodrigues). E seis mulheres do RN foram selecionas a irem para São Paulo como alunas do Lidera+: Débora, Adriana, Magnólia, Leilane, Aline e Ana Paula.

Futuro: Solidariedade quer apresentar nomes jovens, modernos e com alta qualificação em 2020

Compartilhe Viagens
Allyson e Diego Vale, jovens, com experiência política e ambos com Mestrado

Allyson (da RAPS) e Diego Vale (RenovaBR) , jovens, com experiência política e ambos com Mestrado. Os dois são do Solidariedade.

O partido Solidariedade do Rio Grande do Norte quer ser o partido mais moderno em 2020. Por isso, investe ininterruptamente em estímulo à qualificação entre seus quadros.

Dois deles, Allyson Bezerra, em Mossoró, e Diego Vale, em Caicó, são exemplos disso. Membros da nova geração do Solidariedade, moldada a partir da Escola de Jovens Líderes, ambos possuem mestrado em suas áreas de atuação e alta qualificação quando o assunto é expertise política.

E o melhor, não fazem parte da política antiga e tradicional do Estado. Sabem o que é a realidade do Povo.

Allyson Bezerra será empossado na presidência do Solidariedade de Mossoró

Revista Deguste
Allyson é o deputado mais jovem do Rio Grande do Norte

Allyson é o deputado mais jovem do Rio Grande do Norte

O partido Solidariedade fará encontro municipal no próximo dia 4 de abril na cidade de Mossoró.

Será no hotel Vila Oeste, às 19h, com presença também de liderança histórica que colaborou na formação da legenda no município: ex-vereador Soldado Jadson.

Na ocasião, o deputado estadual Allyson Bezerra será empossado como presidente municipal do partido, dando início a um processo contínuo de novas filiações na cidade, que será realizada ao lado do suplente de deputado federal, Lawrence Amorim.

No mesmo encontro, os membros do partido vão iniciar as discussões mirando as eleições de 2020, debatendo a forma que o Solidariedade pode contribuir para livrar a política de Mossoró dos mesmos grupos que historicamente se revezam no poder há décadas.

Novo artigo de Diego Vale. Leia: “Gestor precisa gostar de gente!”

Compartilhe Viagens
Diego Vale é pré-candidato em Caicó

Diego Vale é pré-candidato em Caicó

Gestão pública é relacionamento. Existem diversos interesses em jogo e conciliá-los é um desafio. E eles não são privados, são públicos! Ser transparente possibilita engajar pessoas. Dialogar é fundamental para convencer e conquistar.

Um dos maiores erros nas gestões públicas, principalmente as municipais, é não fazer gestão de pessoas. É, inclusive, uma das causas do descumprimento do limite prudencial. O servidor não é bem aproveitado, os talentos não são identificados, o gestor quer sempre contratar mais.

Sem gestão de pessoas o gestor não identifica os bons líderes entre os servidores, parceiros e terceirizados. Funções de coordenação caem no colo de pessoas que não sabem motivar outras pessoas e assim comprometem o resultado. Além de saber onde quero chegar, é preciso saber com quem consigo ir. Qualificação de pessoal é outro requisito fundamental!

Além de olhar para as pessoas que estão ao seu lado, o gestor deve considerar aqueles que influenciam na tomada de decisões. Em gestão pública, discutimos o papel do Stakeholder – pessoa ou grupo que pode influenciar na organização pública ou privada.

O gestor tem que saber dialogar com o Legislativo, com os formuladores de agenda, como a mídia, os controladores dos conselhos e Tribunais de Contas, os legitimadores como Judiciário e Ministério Público, a sociedade organizada, os parceiros, fornecedores, terceirizados… é muita gente para considerar!

Gestor público tem que gostar de povo, principalmente do cidadão usuário do serviço público, do contrário não haverá transformação social. Gestão pública é relacionamento. Não gosta de gente? Não arrisque ser gestor!

Diego Vale – empreendedor caicoense, mestrando em Gestão Pública