Trump, o germofóbico

Compartilhe Viagens
Foto publicada pela Folha de São Paulo

Foto publicada pela Folha de São Paulo

Tentar contrapor Donald Trump com escândalos e baixaria não adianta.

Os divulgadores de notícias de baixarias vão pelejar e não vão conseguir atingir Trump com notícias de escândalos, insinuações de tramas conspiratórias, orgias com mulheres.

Não adianta.

Ele já provou que transita bem no mundo do sensacionalismo e da truculência. Às vezes até gosta disso e, quando reage, cava mais baixo do que quem tentou atingi-lo.

Trump ganhou a presidência com arrogância, ignorância e atitudes politicamente incorretas. E seus opositores parecem querer derrubá-lo antes mesmo dele tomar posse. Mas, ao que parece, com escândalos, está difícil. O melhor é apostar na economia. Se Trump for mal na economia perde o apoio popular e cai.

Qualquer um cai.

O bolso vazio e a falta de perspectiva financeira em uma sociedade consumista como a americana é o maior opositor de qualquer presidente.