Self-service lidera negócios de alimentação fora do lar

Compartilhe Viagens
Self service salad bar with a variety of salads and side dishes

Self-service é o modelo de alimentação mais comum no mercado brasileiro

De cada dez restaurantes de pequeno porte no Brasil, seis adotam o sistema de atendimento self-service, ou comida por quilo, invenção tipicamente brasileira e bastante popular entre os consumidores. Este é um dos resultados de uma pesquisa nacional realizada pelo Sebrae sobre o perfil de pequenos negócios do segmento de alimentação fora do lar. O levantamento revela que 61% dos desses estabelecimentos trabalham como a modalidade de atendimento self-service em algum momento do dia, sendo que 47% atendem exclusivamente com esse tipo de serviço. Para o Sebrae, os números expressam a oferta de soluções práticas para o consumidor.

“O self-service está incorporado ao cotidiano do brasileiro, que recorre a restaurantes como alternativa prática, acessível e saudável para sua refeição principal. Também é uma solução rápida para quem trabalha e precisa almoçar fora de casa. É fácil de encontrar, há variedade de alimentos e o preço é um atrativo”, diz a diretora técnica do Sebrae, Heloisa Menezes, ao comentar os dados da primeira Pesquisa Nacional de Alimentação Fora do Lar, apresentada na abertura do seminário O Sabor da Experiência: o mercado gastronômico e o futuro do consumo, nesta terça-feira (10), em Brasília.

Entre outros dados, a pesquisa aponta que restaurantes (33%) e lanchonetes (18%) somam 51% dos pequenos empreendimentos no segmento de alimentação fora do lar. Com relação ao cardápio, a maior parte dos estabelecimentos vende comida brasileira e tradicional (49%), alinhado ao perfil do consumo e do “gostinho brasileiro” por comida caseira. Outros 31% dos negócios atuam na produção de alimentos específicos ou de cozinhas segmentadas; 20% afirmam não atuar com uma cozinha específica; e 6% das micro e pequenas empresas comercializam alimentação saudável.

“É importante destacar que, por se tratar de um segmento bastante competitivo, os restaurantes devem estar atentos às necessidades e à satisfação dos clientes, cada vez mais exigentes, bem informados e seletivos. É estratégico garantir a qualidade do atendimento, diversificar o cardápio e focar sempre na melhoria da gestão”, explica Heloisa Menezes, para quem a pesquisa apresenta uma série de dados e informações, que possibilitam uma percepção ampliada e realista dos pequenos negócios de alimentação fora do lar.

Negócio familiar 

A pesquisa revela que as empresas são predominantemente familiares, de micro e pequeno porte. Um exemplo é a quantidade de funcionários presentes em todas as etapas da operação do negócio – 49% dos empreendimentos possuem de uma a cinco funcionários. Outros 22% têm de seis a dez funcionários; 16% têm entre 11 a 23 funcionários; e 5% informaram ter mais de 23% na linha de produção.

A maioria (96%) trabalha com loja própria e 86% dos entrevistados afirmaram ter apenas um negócio. Empreendedores com dois negócios somam 13%. Entre três e mais de cinco estabelecimentos são apenas 5%.

O levantamento aponta também que os negócios estão instalados, em sua maioria, em lojas físicas (64%). Em segundo lugar, com uma proporção bem menor (14%), estão empreendedores que trabalham em casa. Apenas 12% possuem loja virtual, sendo que somente 2% usam exclusivamente essa forma de comercialização, o que indica potencial para o crescimento do uso desse tipo ferramenta. Metade das empresas (49%) realiza entrega em domicílio (delivery). Dessas, a maior parte (72%) têm operação própria, sem terceirização.

Ministério da Integração aprova inclusão do RN à Rota do Cordeiro

Revista Deguste

O Rio Grande do Norte vai compor a Rota do Cordeiro, uma iniciativa que visa modernizar o arcabouço legal da atividade da ovinocaprinocultura no Brasil. A Secretaria de Desenvolvimento Regional do Ministério da Integração Nacional aprovou o pleito do Sebrae no Rio Grande do Norte para inserir o estado nas “Bases para o Plano Nacional de Desenvolvimento da Rota do Cordeiro”, cuja solenidade de lançamento ocorrerá dia 3 de outubro, em Brasília (DF). A inclusão vai contribuir para reconhecer a importância da atividade nas regiões envolvidas e direcionar recursos federais para fortalecer essa cadeia produtiva.

A Rota do Cordeiro faz parte da estratégia de promover atividades relevantes para a interiorização do desenvolvimento econômico, conforme a Política Nacional de Desenvolvimento Regional (PNDR), por meio do incentivo a cadeias produtivas e arranjos produtivos locais considerados estratégicos.

(Com informações do Sebrae/RN)

Presidente do Grupo Abril faz palestra em Natal

Compartilhe Viagens
Palestra de Walter Longo será na terça-feira, 15

Palestra de Walter Longo será na terça-feira, 15

Walter Longo, presidente do Grupo Abril, será uma das atrações da segunda edição do Seminário Desafios do Crescimento, que o Sebrae no Rio Grande do Norte promove no dia 15, no Hotel Holiday Inn da Salgado Filho. Ele vem a Natal falar sobre os principais elementos que tornam a gestão de uma empresa realmente efetiva. As inscrições já estão abertas e podem ser feitas pela internet através do endereço http://www.rn.sebrae.com.br/loja/. Informações pelo 0800 570 0800.

Com informações do SEBRAE/RN

Design parar donos de bares e restaurantes

Revista Deguste

Ajudar donos de bares, restaurantes, cafés, docerias e lanchonetes a usar o design para tornar o negócio mais competitivo. Esse o principal objetivo do último módulo do programa Receita de Sucesso, que traz a palestra ‘Design para Pequenos Negócios de Alimentação Fora do Lar’. O programa é uma iniciativa do Sebrae no Rio Grande do Norte em parceria com a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel). A capacitação será realizada na próxima segunda-feira (31), às 14h, na sede da Instituição, em Natal. As inscrições R$ 30,00 e podem ser feitas pelo 0800 570 0800.

Sebrae divulga relação dos projetos aprovados em edital Economia Criativa 2017

Compartilhe Viagens

32 projetos foram aprovados na terceira versão do Edital de Economia Criativa, que vai investir em forma de apoio a iniciativas culturais até R$ 250 mil. Foram 133 inscritos em processo de seleção feito pelo Sebrae RN.

A próxima etapa do edital, que é a fase de negociação das contrapartidas para implementação do projeto, começa nesta quarta-feira (19) e prossegue até o dia 21, começando com os segmentos de Editoração e Audiovisual. O resultado pode ser conferido no Portal do Sebrae (www.rn.sebrae.com.br) na seção Licitações e Editais.

Veja a lista dos projetos aprovados goo.gl/XeooBb

 

Curso ensina dono de negócio turístico a gerenciar redes sociais

Revista Deguste

Para ajudar proprietários de agências de viagens e de outros negócios turísticos a conquistarem um bom posicionamento nas mídias sociais, O Sebrae/RN promoverá o curso ‘Gestão de Mídias Sociais: Facebook e Instagram na Prática’, nos dias 1 e 2 de agosto.

O curso é resultado de uma parceria entre o Sebrae no Rio Grande do Norte e a Associação Brasileira de Agências de Viagens (Abav-RN) e está alinhado com as estratégias do projeto Destinos Turísticos Inteligentes (Smart Destination).

A capacitação será realizada na sede do Sebrae, das 18h às 22h, e vai mostrar como os empresários podem utilizar as duas redes sociais para atrair o público desejado, vender os serviços e atingir bons resultados. A professora do curso será Marta Poggi, conhecida por ministrar cursos e palestras pelo Brasil a profissionais do segmento de turismo, abordando temas como marketing digital, tendências, mídias sociais e inovação. Atua como consultora do Sebrae e da Abav, além de atender a várias empresas e destinos turísticos nacionais e internacionais.

A inscrição custa R$ 70,00 (associado da Abav tem um desconto e paga apenas R$ 50,00) e pode ser feita pela internet no site www.iccabav.com.br/. Os interessados podem obter mais informações pelos telefones 84 3222-3125 e 99613-0111.

Empreendedores podem pedir restituição do imposto do Simples online

Compartilhe Viagens

Microempreendedores Individuais (MEI) e donos de pequenos negócios que são optantes do Simples Nacional já podem solicitar a restituição de tributos que foram pagos indevidamente ou em valor maior do que o devido. O pedido pode ser feito no site da Receita Federal, pelo endereço http://idg.receita.fazenda.gov.br/interface/lista-de-servicos/simples-nacional/optante-simples/pedido_eletronico_de_restituicao

Desde o dia 30 de junho, a Receita disponibilizou a possibilidade de pedir o ressarcimento de forma totalmente on-line.

Após o pedido eletrônico do contribuinte, o procedimento de auditoria do crédito e do pagamento da restituição estará concluído em até 60 dias da data do pedido. É possível ainda fazer a solicitação ou acompanhar o andamento da mesma no Portal do Simples Nacional.

Com informações do SEBRAE RN

Empresas familiares predominam no mercado potiguar, diz Sebrae

Revista Deguste

Mais da metade das empresas de micro e pequeno porte no Brasil são familiares, ou porque tem sócios com algum grau de parentesco ou por ter alguém da família dos proprietários como funcionário. 52% dos pequenos negócios do país têm esse perfil. No Rio Grande do Norte, as empresas com parentes representam 42% dos negócios de pequeno porte, o maior percentual registrado entre todos os estados. A constatação é de um estudo feito pelo Sebrae e divulgado nesta semana, mostrando a realidade da gestão das empresas brasileiras. O levantamento revela ainda que, curiosamente, quanto maior o porte do negócio, maior é a participação de familiares. A pesquisa, realizada no fim do ano passado, ouviu 6.617 empresários desse segmento.

O estudo indicou que um quarto dos entrevistados têm como sócio algum familiar e pouco mais de um quinto das empresas tem algum empregado que é parente de algum dos sócios da organização. Negócios entre familiares tendem a gerar uma relação de confiança, o que leva muitos empreendedores a envolver pessoas da família, seja como sócios ou mesmo como empregados.

Contudo, é fundamental ter alguns cuidados para evitar conflitos e erros históricos, como misturar o financeiro da empresa com as finanças pessoais, não remunerar adequadamente o empregado por ser um membro da família, oferecer função incompatível com o perfil profissional e conceder privilégios ao parente, em detrimento dos demais funcionários.

Sebrae RN ensina empreendedores a tocar a empresa

Compartilhe Viagens

SEI.Divulgação.Reprodução

Empreendedores de Natal têm a oportunidade de começar o segundo semestre se preparando para gerir melhor a empresa  para as vendas de fim de ano ou para expandir os negócios. O Sebrae no Rio Grande do Norte promove, no período de 24 a 29 deste mês, o módulo Sei Tocar a Minha Empresa, um conjunto com cinco oficinas SEI (SEI Planejar, SEI Empreender, SEI Comprar, SEI Vender e SEI Controlar Meu Dinheiro) que traz soluções práticas para  áreas importantes da empresa. As oficinas serão ministradas das 18h às 22h e as inscrições podem ser feitas pelo 0800 570 0800. É possível fazer cada oficina individualmente. Mas, o módulo completo sai ao valor de R$ 80,00.

Serviço:
http://portal.rn.sebrae.com.br
http://www.facebook.com/SebraeRN
http://www.twitter.com/SebraeRN
Call Center: 0800 570 0800
Agência Sebrae de Notícias (ASN-RN): 84 3616-7911

Senai e Sebrae lançam 7º Ciclo do Inova Moda

Revista Deguste

INOVA-MODA-INVERNO-2018-UTOPIAS-modaworks.Reprodução

O Sebrae no Rio Grande do Norte e o Senai lançam, hoje, 26 de junho, o sétimo ciclo do projeto Inova Moda. O lançamento será no auditório da Fiern, a partir das 19h, com a palestra da designer de moda Jady Rocha, que vai abordar a temática do projeto ‘Utopias’, apresentando aos profissionais e empresários ligados ao setor as macrotendências para o inverno do próximo ano. Além da palestra, o projeto é composto de atividades práticas que serão desenvolvidas ao longo da semana. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo 0800 570 0800. As vagas são limitadas.