Presidente da FAERN explica que entidade atenderá produtores rurais via celular e internet

Revista Deguste
José Vieira representa a Agricultura no RN

José Vieira representa a Agricultura, Pecuária e a Pesca no RN

A Federação da Agricultura, Pecuária e da Pesca do Estado do Rio Grande do Norte – FAERN e o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, Administração Regional do Rio Grande do Norte – SENAR-AR/RN, suspenderão todas as suas atividades por tempo indeterminado, à partir do dia 23, segunda-feira. Neste período toda a nossa equipe trabalhará em sistema de home office.
Todos os nossos funcionários estarão disponíveis das 8 às 17h por celular ou e-mail, para dar suporte aos produtores rurais neste momento crítico.
A suspensão das atividades se faz necessária em decorrência do decreto de emergência publicado pelo Governo do Estado do Rio Grande do Norte, para evitar a propagação da Covid-19.
O retorno das atividades será reavaliado a qualquer tempo.
José Álvares Vieira
Presidente do Sistema FAERN/SENAR

Capital da AGN passa a ser de R$ 31,3 milhões

Compartilhe Viagens

Por Luciano Kleiber, da Assessoria de Imprensa da AGN

Em Assembleia Geral Extraordinária realizada na manhã desta quinta-feira, 23.08, o Conselho de Administração da Agência de Fomento do RN (AGN),  homologou o aumento do capital da instituição, que passou de R$ 24,5 milhões para R$ 31,3 milhões.

O novo capital (a ser integralizado pelos sócios da AGN, entre eles Governo do Estado, Fecomércio, Faern e Fiern) ainda deverá ser ratificado pelo Banco Central para ter efeito do ponto de vista de capacidade de captação de recursos pela instituição no mercado. “Este registro pelo Banco Central deve acontecer dentro de aproximadamente 60 dias e a partir daí o novo capital passa a valer para efeito de mercado”, explica o diretor-presidente da da AGN, João Augusto Melo.